Wrun Rio de Janeiro – Relato Patricia

Foi com muita alegria que recebi da ganhadora da Promoção Wrun este excelente relato que compartilho com vocês. O blog agradece a disponibilidade da Patricia em relatar com riqueza de detalhes como foi o evento. Gostaria também de agradecer à Iguana Sports e a Letícia que disponibilizaram a cortesia para que fosse feito o sorteio. Confira o relato a seguir.

Um ano e meio após ter iniciado a prática de corridas de rua no Rio de Janeiro, sempre participando dos circuitos de 5km, eis que surge a grande oportunidade de mudar, de aumentar a quilometragem, sair da zona de conforto e ainda correr minha primeira prova feminina. Sorteada na promoção do Blog Corrida Urbana/ WRun, fora-me oferecida duas opções de percurso: 4km ou 8km. Como o lema é: retroceder jamais, 8km na cabeça! Ou nos pés!..rs

Retirada de Kit

A retirada do kit já foi um evento á parte: vários espaços com atividades diferenciadas (aulas de zumba fitness, degustação, manicures, massagem, teste de pedígrafo) e uma locutora prestando todas as informações á mulherada. O local de entrega, Aterro do Flamengo, super fácil acesso por se tratar de um ambiente já popularizado no universo das corredoras cariocas. Fila para retirada? Pequena e sem esperas.

Grande dia

Chegado o dia da prova. Expectativa grande, meus primeiros 8km oficiais!

Logo de cara senti que o clima de uma corrida estritamente feminina é realmente diferente: mulheres correm sem esposos, namorados e “peguetes”, estes viram meros expectadores e torcedores. Elas encontram suas amigas, ficam mais animadas e mais despojadas por não terem a presença de certos atletas mal educados fungando em seus cangotes pedindo passagem. Quem sabe até não melhoram seu desempenho?

Eu que já sou animada, mais animada ainda fiquei ao encontrar as amigas do face do grupo Corredores de Rua RJ e outras parceiras de pista, no sentido literal, claro.

Percurso

Dada a largada! Os primeiros 4km foram complicados para encontrar o ritmo pois grande era o número de mulheres caminhantes e outras diminuindo o pace. Como a faixa de esfalto nas corridas em Copacabana é estreita, ficou difícil tentar uma ultrapassagem sem esbarrar em uma companheira. Como tenho muita preocupação com a integridade do próximo, resolvi curtir mais e esperar desafogar o “trânsito” a passos lentos.

Após a curva do quarto quilômetro, a prova fluiu melhor, com placas de marcação sinalizando bem a quilometragem e considerável quantidade de postos de hidratação .

Outro ponto negativo foi a infiltração de pipocas “masculinos”. Mas nada que tirasse o glamour da corrida.

Chegada

Na chegada, Isotônicos, mais água, bananas e maçãs para a recuperação das Runners Girls! E a medalha em forma de tigre..Só para as feras..Uarrrrrr!!!

Soraya Braz, Patricia e Angélica Morais | Patricia e a amiga Cláudia Gama Strogoff

Massagem, e outros mimos também compunham a recepção da chegada, mas eu prefiri mesmo é continuar no ritmo acelerado me acabando no aulão de Zumba Fitness!

Tempo líquido: 00:50:46. Acho que pra estreia dos 8km não fui dos males o pior…rs

Obrigada ao Blog Corrida Urbana por proporcionar-me essa superação!!

1 Comentário

Deixe seu comentário