Última Corrida da Ponte com a Perimetral

Com um pouco de atraso, publico meu relato da Corrida da Ponte 2013, que aconteceu no domingo dia 19 de maio.

10

01
Corredores Cariocas

Mesmo com uma lesão mal curada no pé direito, participei desta prova com a intenção de me divertir, afinal de contas não poderia deixar de correr uma das mais belas corridas do Brasil.

05

O percurso de 21,4k que liga a cidade onde moro, Niterói, ao Rio de Janeiro é muito bom. Mais da metade dele, cerca de 13k, são sobre as águas da Baía de Guanabara.

Com as obras para a Copa do Mundo de Futebol, o viaduto da Perimetral, que liga a Ponte ao Aterro do Flamengo, será demolido.

Fiz a corrida toda num ritmo bem confortável visando apenas ser sub 2h. Fui acompanhado pelos amigos Gabriel e Cristiano, do grupo Corredores Cariocas.

06Entre muita conversa e risadas fomos passando pelos quilômetros da ponte e perimetral até chegar ao Aterro do Flamengo. Fechei a prova em 1h59min53seg, dentro do planejado e feliz com o resultado. Bem menos sofrido que o sub 1h50min da Golden Four.

13

No fim, conquistei mais uma medalha e, por consequência, minhas dores no pé aumentaram. Já estou mais de uma semana sem correr, fui ao ortopedista e ele me recomendou o uso de palmilhas personalizadas. Pesquisei em alguns lugares e constatei que são muito caras. Aquelas que vendem em lojas de produtos ortopédicos custam cerca de 80 reais, mas acho que não servem para o que foi recomendado.

Alguém usa palmilha personalizada?

2 Comentários

  1. Olá Victor,

    Parabéns pela prova. Muito bom você correr mesmo que seja por diversão, faço muito isso também. Eu tinha colocado essa no meu calendário, mas não deu para ir ao Rio nessa época. Tomara que arrumem uma solução para continuar a prova sem a perimetral.

    Sobre a dor no pé, eu tive há algum tempo umas dores também e foi diagnosticado um principio de “neuroma de morton”. Meu médico também falou nessas palmilhas, mas disse que o principal era eu tentar usar tênis menos apertados nos dedos. Só essa mudança já resolveu, hoje em dia é difícil sentir as dores novamente. Não sei se é o seu caso, mas fica aí como exemplo. Espero que ache uma solução também.

    Abraços

    • Danilo, muito obrigado. Sinceramente o que você falou faz sentido. Meu pé é uma pouco largo, o tênis geralmente sobra na frente e apertado dos lados. pode ser por isso tbm que sempre tenho bolhas. Já estou testando um tênis maior. vamos ver como fica.

      Abraços.

Deixe seu comentário