Recorde na Maratona do Rio de Janeiro

Créditos: Thiago Diz Photography/Maratona do Rio
Créditos: Thiago Diz Photography/Maratona do Rio

O tempo nublado no Rio de Janeiro favoreceu os 26 mil corredores da 12ª edição da Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro, considerada uma das mais belas do ​mundo. O evento, que aconteceu neste domingo​ (26), contou com três provas, Maratona (42 km), Meia Maratona (21 km) e ​Olympikus Family​ Run​ (6 km), e mostrou o domínio dos quenianos nas duas primeiras. Nos 42 km, Willy Kangogo Kimutai foi o primeiro a cruzar a lin ha de chegada, comemorando duplamente. Ele se sagrou bicampeão da Maratona e determinou o novo recorde da prova – o último já pertencia a ele. Entre as mulheres, Caroline Chemutai Komen superou as adversárias e garantiu o topo no pódio. Na Meia Maratona, a vitória foi de Joseph Tiophil Panga, também do Quênia. A brasileira Joziane Cardoso da Silva levou a melhor na prova feminina, conquistando o bicampeonato dos 21 km da Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro.

D2E694A0A0C348D
Créditos: Thiago Diz Photography/Maratona do Rio

Na prova masculina, Kangogo fez uma bela disputa com o etíope Lemawork Ketema, que recentemente conseguiu asilo político da Áustria. No pelotão de elite durante todo o percurso, os dois se distanciaram de seus oponentes no meio da prova e batalharam até o fim, quando o queniano de 35 anos levou a melhor por apenas um segundo e quebrou o seu próprio recorde, terminando a prova em 2h14min56. A prova, famosa pelo seu percurso 100% na orla carioca, passou pelas praias do Recreio, Reserva, Barra da Tijuca, São Conrado, Leblon, Ipanema, Copacabana e Botafogo antes de chegar ao Aterro do Flamengo.

“Amei a prova, a vista é incrível. Estou muito feliz por ter chegado no primeiro lugar da Maratona. Já estive no Rio de Janeiro outras vezes, e​ este ano a experiência toda foi muito boa”, declarou o campeão da Maratona de 2015.

Brasileiro mais bem colocado da prova, o baiano Edson Amaro comemorou sua colocação e sonha conquistar uma vaga para as Olimpíadas do Rio de 2016.

“É uma satisfação enorme ser o brasileiro melhor colocado. Quero representar o Brasil nas Olimpíadas no ano que vem, com muita garra e determinação. O Rio de Janeiro é um celeiro para nós, pois o percurso é plano, o que nos ajuda muito. Nos sentimos em casa aqui”, declarou o atleta.

No feminino, Caroline Chemutai não deu chances às outras competidoras e foi a primeira colocada na Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro, com o tempo de 2h38min19. A melhor brasileira na prova foi Graciete Moreira Carneiro, 35 anos, da equipe Domingos Alves, que completou a Maratona na terceira colocação. A alemã Anna Hahner conquistou o segundo lugar.

Medalha de bronze nas Olimpíadas de Atenas, em 2004, e um dos maiores nomes do atletismo nacional, Vanderlei Cordeiro de Lima foi o padrinho da prova e largada da maior Maratona do Brasil. O ex-maratonista ainda prestigiou a chegada das provas de 21km e 42km.

Na prova de 21km, que contou com 12 mil participantes, o queniano Joseph Tiophil Panga conquistou o título, com o tempo de 1h04min07s. O único brasileiro no pódio foi Gilmar Silvestre Lopes (1h04min46s), na quinta colocação.

Na prova feminina, a brasileira Joziane Cardoso da Silva, 29 anos, foi bicampeã da prova, com o tempo de 1h14min46s. A Meia Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro largou na Barra da Tijuca e passou por São Conrado, Leblon, Ipanema, Copacabana e Botafogo.

A festa do esporte na manhã de domingo ficou completa com os 6km da Olympikus Family Run. A prova aconteceu no Aterro do Flamengo. Os camp eões foram Bruno Andi e Gisele Barros de Jesus.

​A Maratona CAIXA da Cidade do Rio de Janeiro 2015 é realizada e organizada pela Spiridon Promoções & Eventos e pela Dream Factory, com patrocínio master CAIXA E Governo Federal, patrocínio Olympikus, Gatorade, Piraquê, Light, Secretaria de Esporte e Lazer e Juventude do Governo do Rio de Janeiro, e Apoio Minalba, e Prefeitura do Rio de Janeiro.

RESULTADOS

Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro

Masculino

1 – Willy Kangogo Kimutai – 02:14:56 (Novo recorde da prova)
2 – Lemawork Ketema – 02:14:57
3 – Edson Amaro – 02:16:52
4 – Giomar Pereira da Silva – 02:18:51
5 – Eliezes de Jesus Santos – 02:22:04

Feminino

1 – Caroline Chemu tai Komen – 02:38:19
2 – Anna Hahner – 02:39:15
3 – Graciete Moreira Carneiro – 02:41:49
4 – Nelly Jepkurui – 02:45:19
5 – Mirela Saturnino de Andrade – 02:45:34

Meia Maratona Caixa da Cidade do Rio de Janeiro

Masculino

1 – Joseph Tiophil Panga – 01:04:07
2 – Elijah Kipkemei Kemboi – 01:04:10
3 – Edwin Kiprop Kibet – 01:004:17
4 – Saidi Juma Makula – 01:04:19
5 – Gilmar Silvestre Lopes – 01:04:46

Feminino

1 – Joziane Cardoso da Silva – 01:14:46
2 – Natalia Elisante Su lle – 01:14:48
3 – Sueli Pereira da Silva – 01:15:00
4 – Faluna Abdi Matanga – 01:15:11
5 – Rosangela Raimunda Faria – 01:16:21

​​Olympikus Family Run – 6km

Masculino

1 – Bruno Andi – 18:42
2 – Clodoaldo Azevedo – 18:47
3 – Lucas Mesquita – 19:10
4 – Frederico Santos Abraão – 19:12
5 – Cicero Vieira de Andrade – 19:19

Feminino

1 – Gisele Barros de Jesus – 23:06
2 – Daniela Barcelos de Souza – 24:29
3 – Thamara Dutra Ribeiro – 24:49
4 – Brigida Anjos de Figueiredo – 25:05
5 – Elizabethe Carvalho Rodrigues – 25:10

Deixe seu comentário