Gatorade lança nova fórmula e sabores

Nós corredores, durante as corridas, perdemos muitos líquidos e vários nutrientes são liberados junto com o suor. A melhor maneira de manter o corpo hidratado é com a boa e barata água. Contudo, para ajudar na reposição dos nutrientes o bom e conhecido isotônico é super recomendado. Um dos mais famosos do mundo é o Gatorade, que acaba de trazer uma nova fórmula para o Brasil.

gatorade

Os jogadores da Seleção Brasileira de futebol serviram de fonte de estudos, durante dois anos, para que novos produtos fossem lançados. Neste mês, maio, a Fórmula do Craque chega ao mercado brasileiro em dois novos sabores: framboesa e manga.

Os novos produtos Gatorade trarão como edição especial as temáticas “Força”, para o sabor framboesa, e “Ousadia”, para manga. Essas são as duas características da Seleção Brasileira mais apontadas em pesquisa feita com os fãs da página oficial de Gatorade no Facebook.

A Fórmula de Craque contém maltodextrina e sacarose como uma das fontes de carboidratos da bebida. Esta combinação de carboidratos faz com que os benefícios da bebida sejam mais rapidamente utilizados pelo nosso corpo, sendo uma ótima alternativa para hidratação e de combustível para os músculos durante o exercício físico, minimizando ainda possíveis riscos de desconforto gástrico.

Entenda como funcionou o estudo com a Seleção Brasileira

Estudos com a Seleção Brasileira começaram a ser desenvolvidos por Gatorade há dois anos, quando a comissão técnica visitou o laboratório do GSSI (Gatorade Sports Science Institute), nos Estados Unidos. Desde então, a ciência da marca parceira de nutrição esportiva da Seleção passou a trabalhar em um projeto para fazer diferença na preparação dos jogadores.

Todos os convocados durante esse período foram submetidos a testes aplicados pelos cientistas do GSSI. Os especialistas estiveram no Brasil e em viagens da Seleção, para avaliar o estado de hidratação, a composição do suor e o volume de líquidos que cada jogador perdia durante jogos e treinos. Orlando Laitano, professor adjunto da Universidade Federal do Vale do São Francisco, foi apontado como o consultor brasileiro do GSSI.

A partir dos resultados, foi possível desenvolver o isotônico personalizado para cada jogador. Os atletas não fizeram uso apenas durante o treinamento e jogos com a Seleção, mas receberam em suas casas a fórmula exclusiva para seguir com a hidratação no período dedicado aos seus clubes.

Depois da fórmula personalizada, foi criado um sistema de rastreamento de hidratação foi desenvolvido pelo GSSI. Cada sistema inclui uma garrafa personalizada com o nome do jogador no topo, um chip que monitora hidratação, carboidratos e eletrólitos, ajudando os jogadores se manterem hidratados, maximizando o desempenho e recuperação. O exclusivo sistema foi desenvolvido para a Seleção Brasileira de Futebol e deve chegar em breve a outros esportes, como equipes de futebol americano na National Football League (NFL).

As informações podem ser acessadas pela comissão técnica de um tablet. O novo processo de hidratação funciona da seguinte maneira: os atletas são pesados antes do treino e seus pesos são adicionados ao sistema. Durante o treino ou um jogo, os jogadores têm de beber suas formulas personalizadas das garrafas. A comissão técnica pode, assim, monitorar o consumo de cada jogador em tempo real e também ajustar o nível de hidratação, com base em perfis pré- testados dos atletas . Depois dos jogos, os jogadores são pesados novamente e o ciclo se torna contínuo, de modo a otimizar hidratação, nutrição e desempenho.

Fonte do texto e imagens: Divulgação Gatorade

Deixe seu comentário