São Paulo recebe Mizuno Half Marathon neste domingo

Uma das principais vias paulistanas, a Marginal Pinheiros amanhecerá diferente neste domingo (14) com a presença de cerca de 8 mil corredores que irão encarar a Mizuno Half Marathon. A prova terá uma série de novidades neste ano, começando pelo percurso, quase 100% plano e com apenas dois retornos, ambos em 180º. Outra inovação é a categoria duplas – masculinas, femininas e mistas. Os parceiros largarão juntos e correrão o mesmo percurso, de 10,549 metros. Os tempos dos dois serão somados para determinar o tempo final. Haverá ainda a categoria cadeirantes, em caráter experimental, que inclui a Handcycle.

mizuno_half_marathon_sp+201

A largada será em frente ao Parque do Povo, a partir das 7 horas para a categoria cadeirantes, e das 7h10 para as demais.

A retirada dos kits será feita na Expo da prova, na sexta (12), das 9h às 21h, e no sábado (13), das 9 às 18h, no Espaço Trade MKT – Edifício WTorre (Av. das Nações Unidas, 7.815). O local será palco de uma série de palestras e mesas redondas.

Ariane Monticeli, campeã da etapa do Ironman de Florianópolis na última semana, e Igor Amoreli, campeão no ano passado e quarto colocado deste ano na etapa catarinense, participarão de mesas redondas com Mario Sergio, diretor da Run & Fun, e Professor Zeca, diretor da Z/Track nos dois dias. Ambos os atletas irão correr a prova, no domingo.

Nas palestras, destaques para as do ex-jogador e atual comentarista Juliano Belletti e da jornalista Carol Barcellos, na sexta-feira, e da médica, atleta e apresentadora de TV Karina Oliani, no sábado.

As premiações para o pódio são as seguintes: individual, masculino e feminino – 1º lugar – R$ 3.000,00 por atleta; 2º lugar – R$ 2.000,00 por atleta; 3º lugar – R$ 1.000,00 por atleta. Duplas (masculinas, femininas e mistas): 1º lugar – R$ 3.000,00 por dupla; 2º lugar – R$ 2.000,00 por dupla; 3º lugar – R$ 1.000,00 por dupla.

A Mizuno ainda irá oferecer R$ 1.500 para o melhor brasileiro que cruzar a linha de chegada abaixo dos seguintes tempos pré-estabelecidos: 1h03m00s no masculino e 1h15m00s no feminino. No caso de algum atleta brasileiro quebrar o recorde sul-americano, a Mizuno pagará um bônus de R$ 10 mil. O recorde masculino é de Marilson Gomes dos Santos, com 59m33s, enquanto o feminino é da colombiana Yolanda Caballero, com 1h10m30s.

Para ambos os casos, o valor será concedido ao melhor colocado do país, em cada categoria, que marcar tempo abaixo dos recordes, independentemente da vitória. Se um estrangeiro de qualquer continente chegar em primeiro, por exemplo, e um brasileiro for o segundo, com o tempo abaixo das marcas estipuladas, o atleta nacional vai receber o prêmio.

Para quem for de carro no dia da prova haverá dois estacionamentos conveniados: o estacionamento do Shopping Center JK Iguatemi (Av. Chedid Jafet, s/nº, com 4.000 vagas, valor fixo de R$ 20,00, das 5h30 às 12h); e o Perto Parking ( Rua Horácio Lafer, 855 – em frente ao Parque do Povo, com 400 vagas e valor fixo de R$ 15,00, das 5h às 14h, pagamento somente em dinheiro).

Aos ciclistas, haverá um bicicletário montado na arena da prova. O local terá também um guarda-volumes para os atletas guardarem seus pertences.

Texto: Divulgação Mizuno

Deixe seu comentário